Mulher abandona criança na rodoviária e desaparece

 

Uma mulher com uma criança, que teriam chegado à rodoviária de Cataguases na manhã de sábado, 06 de junho e lá permanecido até à noite, desapareceu por volta da zero hora deste domingo, 07, abandonando o garoto, de 5 anos de idade, naquele recinto. A Polícia Militar, a Defesa Civil e o Conselho Tutelar foram acionados, mas ela, de 35 anos, não havia sido encontrada até o fechamento desta matéria. A criança foi levada para a Casa da Criança e está sob a proteção do serviço de acolhimento institucional.

De acordo com o Boletim de Ocorrência e também conforme informações obtidas pela reportagem do Site do Marcelo Lopes, durante o tempo em que a mulher ficou na rodoviária ela e a criança, que seria seu filho, não saíram de lá. Houve até uma suspeita de que estaria perdida ou sem dinheiro para prosseguir a viagem. Porém, pouco antes da meia noite, ela deixou o garoto na rodoviária e seguiu em direção ao rio Pomba onde teria se jogado na água. A PM foi acionada e ao chegar no local do fato os militares encontraram um homem de 43 anos saindo da margem do rio que os informou sobre uma mulher havia se jogado dentro d`água. Imediatamente depois, ele fugiu do local, informa o Boletim de Ocorrência.

Os militares acionaram a Defesa Civil que foi até lá, fez uma varredura na margem do Pomba e encontrou a mulher no meio de um matagal. Após ser resgatada ela contou que saiu de Rio das Ostras/RJ para Teófilo Otoni/MG e deixou seu filho na rodoviária para ir conversar com um homem às margens do rio. Mas ao chegar próximo ao matagal ela decidiu esconder-se dele no meio do mato, sem, no entanto, dizer o motivo que a levou a tomar tal atitude. Neste momento os policiais chamara até o local um conselheiro tutelar para tomar as providências com relação à criança, mas, antes dele chegar, a mulher fugiu novamente em direção à mata e não foi localizada até está matéria ser publicada. O garoto foi recebido na Casa da Criança e passa bem.

Fonte: site Marcelo Lopes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.